Copa do Brasil: Renato fecha preparação do Grêmio para pegar o Palmeiras

Depois de vencer na ida, em casa, por 2 a 1, o Tricolor gaúcho pode perder por até um gol de diferença, desde que seja maior que 2 a 1

por Agência Estado

Porto Alegre, RS, 18 - O técnico Renato Gaúcho optou mais uma vez pelo mistério para armar o Grêmio que vai enfrentar o Palmeiras na quarta-feira, no Allianz Parque, no duelo que definirá um dos semifinalistas da Copa do Brasil. Nesta terça, o treinador comandou a última atividade antes do confronto e não indicou a escalação que entrará em campo.

Depois de empatar com o Santos no domingo, na Vila Belmiro, o Grêmio permaneceu na cidade paulista. Nesta terça, trabalhou no CT Rei Pelé. Foram realizados um trabalho técnico, em campo reduzido, e um rachão, e em nenhum deles Renato separou o elenco entre titulares e reservas.

Apesar de não admitir, a tendência é que Renato arme o Grêmio com a mesma escalação que venceu o Atlético-PR na semana passada, com: Bruno Grassi; Edílson, Pedro Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Ramiro, Douglas e Pedro Rocha; Luan. Até por isso, estes jogadores foram poupados do duelo de domingo com o Santos.

Apesar de não admitir, a tendência é que Renato arme o Grêmio com a mesma escalação que venceu o Atlético-PR - Lucas Uebel/GrêmioFBPA
Apesar de não admitir, a tendência é que Renato arme o Grêmio com a mesma escalação que venceu o Atlético-PR
VANTAGEM
Depois de vencer na ida, em casa, por 2 a 1, o Grêmio entra em campo na quarta com a vantagem de jogar pelo empate ou por uma derrota por um gol de diferença, desde que seja maior que 2 a 1. Se o placar se repetir, mas em favor do Palmeiras, haverá disputa de pênaltis. Por isso, Renato também comandou um treino de cobranças de penalidades nesta terça.