Renato Gaúcho, novo técnico do Grêmio, é recebido com tiros no aeroporto

Os disparos foram no Terminal 2, em frente ao portão de embarque, por volta das 11 horas

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 19 (AFI) – O primeiro susto de Renato Gaúcho em Porto Alegre não foi a sequencia do Grêmio de seis jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro. Isso porque seu desembarque no Salgado Filho foi ofuscado por um tiroteio no saguão do aeroporto, que acabou com o jovem Marlon Roldão, de 18 anos, morto. O treinador não se feriu e seguiu normalmente para a Arena do Grêmio.

Os disparos foram no Terminal 2, em frente ao portão de embarque, por volta das 11 horas – mesmo horário que o técnico chegou a capital do Rio Grande do Sul. Segundo relato de testemunhas, a vítima estava acompanha de quatro amigos, mas somente o jovem acabou ferido. O autor dos disparos não foi encontrado e fugiu num Cobalt, com a placa IWD0971, que o aguardava em frente ao aerorporto.

Renato Gaúcho é recebido com tiros no aeroporto Salgado Filho e jovem morre - REVISTA O VOTO
Renato Gaúcho é recebido com tiros no aeroporto Salgado Filho e jovem morre

A Polícia Federal não descarta a possibilidade de execução, mas ainda não comentou sobre o caso. A Brigada Militar isolou a área para perícia e fechou o Terminal 2, utilizado para desembarque dos vôos das companhias aéreas Azul e Trip. A família de Marlon já reconheceu o corpo e agora aguardar o laudo do Instituto Médico Legal (IML) para prestar as homenagens ao garoto.

Num vídeo divulgado pelo jornalista Pedro Espinosa em sua conta no Twitter, Renato Gaúcho aparece chegando na Arena do Grêmio sem maiores problemas. De óculos escuros, ele desceu de uma vã do clube e cumprimentou alguns torcedores que se espremiam no portão. Depois entrou na sede para assinar contrato e então ser apresentado oficialmente.