Jaguariúna é selecionada como cidade-base da Copa de 2014

A cidade vem se destacando como a melhor sede da Copa São Paulo de Futebol Júnior

por Agência Futebol Interior

Jaguariúna, SP, 17 (AFI) - O Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2014 confirmou Jaguariúna entre as cidades pré-selecionadas para ser uma das cidades-base do mundial, que será realizado no Brasil. A cidade integra o guia “Cidade-Base: o Potencial do Estado de São Paulo para sediar os Centros de Treinamento das Seleções para a Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014”, lançado na última quarta-feira (16/02) no Museu do Futebol, com a presença de autoridades do governo do Estado, da Federação Paulista de Futebol, além do ex-jogador Ronaldo Fenômeno, que foi anunciado como novo integrante do Comitê Paulista da Copa 2014. Na Região Metropolitana de Campinas (RMC) apenas Jaguariúna e Campinas foram selecionadas.

“É uma vitória da administração, do prefeito Gustavo Reis, ter Jaguariúna selecionada entre mais de 600 cidades paulistas. Essa indicação é fruto também de todos os investimentos que estão sendo feitos na área esportiva da cidade”, ressalta o secretário de Juventude, Esportes e Lazer, Adelmo Alves Lindo, presente na cerimônia em São Paulo. Baiano, como é conhecido o secretário, foi acompanhado do diretor de Futebol, Pedro Paoliello Machado de Souza.

Para chegar a esse estágio de estar no guia que seguirá para compor o livro da Fifa a ser entregue às seleções, Jaguariúna concorreu com 645 municípios do Estado. Todos foram convidados a participar e 247 se candidataram oficialmente como possíveis cidades-base. Numa etapa posterior, em dezembro de 2009, 89 cidades cumpriram o requisito de responder um questionário com dados gerais da localidades, que iam desde sistemas de telefonia e logística de transportes, até índices pluviométricos, festividades e rede hoteleira e gastronômica. Em setembro de 2010, Jaguariúna recebeu uma comissão que avaliou pessoalmente a infraestrutura existente e agora a cidade é uma das 80 cidades do País (37 em São Paulo) que estarão disponíveis para receber delegações estrangeiras.

O guia paulista lançado na quarta tem informações técnicas sobre a infraestrutura esportiva e hoteleira das 37 cidades escolhidas, com 64 opções de centros de treinamento e 50 hotéis para abrigar as seleções. Jaguariúna aparece com dados sobre o potencial esportivo, destaque para seu turismo, logística privilegiada e destaque para o Estádio Municipal.

“A partir de agora estamos liberados para fazer nosso marketing junto aos possíveis países e seleções que estarão participando da Copa 2014 no Brasil, mantendo contatos e apresentando nosso potencial em feiras e eventos esportivos”, explica Pedro Paoliello, diretor de Futebol.

Gustavo Reis, prefeito

Destaque
O prefeito Gustavo Reis comemorou a pré-seleção de Jaguariúna como cidade-base da Copa de 2014 no Brasil. Como entusiasta e praticante de esportes, o prefeito acredita no esporte como força transformadora social. “Temos investido em todas as modalidades com resultados bastante positivos para a cidade”.

“Além do Estádio Municipal, temos também uma ótima estrutura disponível nos centros de treinamento do Parque Américo Tonietti, no bairro Roseira de Baixo, e José Pires Júnior, no Jardim Florianópolis, o que nos credencia como cidade-base da Copa”, avalia Reis. Em ambos os campos, os gramados possuem as medidas oficiais exigidas pela Fifa e estão em condições para receber treinamentos físicos e táticos das equipes. Também contam a favor de Jaguariúna o fácil acesso, a rede hoteleira e a infraestrutura urbana da cidade.

“Nossa cidade é tranqüila, bem equipada e com características atrativas para as seleções” acredita o prefeito. Um levantamento recente feito pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) coloca a cidade entre as dez melhores do País para se viver.

Ronaldo na Copa
Ronaldo, que na segunda-feira (14) anunciou sua aposentadoria como jogador, irá reforçar o Comitê Paulista da Copa 2014. A participação do jogador, que com sua notoriedade espera atrair boas oportunidades para o Estado de São Paulo no Mundial, foi anunciada pelo governador Geraldo Alckmin no lançamento do guia. No evento, o Fenômeno ganhou a Medalha de Mérito Esportivo do Governo do Estado de São Paulo.

A imagem consagrada do jogador fora do País será utilizada pelo Comitê Estadual para a captação de recursos e parceiros. “Vou ajudar a fazer de São Paulo a melhor das sedes de Copa de todos os tempos”, afirmou o jogador, que disputou quatro mundiais em sua carreira e é o maior artilheiro da história das Copas.