Campeão brasileiro e ex-técnico do Grêmio são os favoritos para assumir o Fluminense

A definição do novo treinador terá as eleições deste sábado como fator determinante, já que cada candidato tem uma preferência

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 25 (AFI) - Marcão vai encerrar a temporada como técnico do Fluminense, mas já é certo que em 2017 ele voltará a ocupar o cargo de auxiliar. Isso porque a diretoria do clube está de olho no mercado e já tem favoritos para assumir o comando do time: Roger Machado e Abel Braga.

Abel é o que mais agrada nos bastidores. Ele está livre desde que deixou o Al-Jazria, dos Emirados Árabes e é o primeiro na lista de Mário Bittencourt e Celso Barros, candidatos a presidência do clube, que será definida neste sábado. Inclusive, o treinador já teve conversas informais, mas espera pela eleição para ter uma proposta oficial.

Roger está na mira do Fluminense (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)
Roger está na mira do Fluminense (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)
O candidato Pedro Abad, por sua vez, prefere Roger Machado, que segue sem clube desde que deixou o Grêmio. Assim como Abel, Roger também já foi procurado pelo Flu, mas o clube carioca deve ter a concorrência do Atlético-MG, que demitiu Marcelo Oliveira na última quinta-feira.

Além da definição do técnico, as chapas já começam a montar a suas prováveis cúpulas dentro do clube. Na chapa de Márcio Bittencourt, Ricardo Tenória deve ser o homem forte do dutebol, além de contar com a consultaria de Carlos Alberto Parreira e de um ex-jogador para se relacionar como o elenco. Pedro Abad vai apostar em Marcelo Teixeira como braço-direito e Celso Barros deve ter Alcides Antunes como vice de futebol.