Marcão exibe pessimismo por vaga na Libertadores e fala em Flu 'jogar pela honra'

Treinador ressaltou que o elenco está muito triste e que, os torcedores do time precisam saber disso

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 21 - Após ver o Fluminense cair por 1 a 0 diante da Ponte Preta, na tarde deste domingo, em Campinas, e acumular o seu oitavo jogo seguido sem vitórias, o técnico Marcão não escondeu o pessimismo ao ser questionado sobre as chances de o time conquistar uma vaga na Copa Libertadores de 2017, mesmo com a grande chance de até o sétimo colocado deste Campeonato Brasileiro, ao fim do torneio nacional, ir à fase preliminar da competição continental, tendo em visto o fato de Atlético-MG e Grêmio decidirem a Copa do Brasil.

"A gente tinha esperança de que conquistaria coisa maior. Lutamos por isso. Estamos muito tristes. Temos de falar isso ao torcedor. Infelizmente, os últimos resultados não foram o que queríamos. Após a mudança (de técnico com a demissão de Levir Culpi), tínhamos quatro jogos..., mas a coisa não deu certo. Temos de jogar pela nossa honra agora", afirmou o treinador, em entrevista coletiva no estádio Moisés Lucarelli.

Marcão não acredita que o Fluminense conseguirá a vaga para Libertadores (Foto: Nelson Perez / Fluminense)
Marcão não acredita que o Fluminense conseguirá a vaga para Libertadores (Foto: Nelson Perez / Fluminense)
ABALO PSICOLÓGICO
Marcão também admitiu que o seu time caiu de rendimento e sofreu um abalo psicológico após levar o único gol do jogo, aos 42 minutos do primeiro tempo, marcado por Wendel, que aproveitou uma bobeada da zaga da equipe carioca na marcação.

"Até a gente tomar o gol, o time comandou o jogo, teve posse de bola. Tivemos duas chances de abrir o marcador. Sofremos o gol, o time sentiu. Mudamos. Apostamos na velocidade, com o Marcos Junior, tentamos o Magno Alves como referência. Mas a Ponte do Eduardo (Baptista) é muito forte e nos superou", lamentou.

CLASSIFICAÇÃO
O resultado deixou o Fluminense na 11ª posição do Brasileirão, com 49 pontos, a seis do Botafogo, que hoje fecha o G6, a zona de classificação para a Libertadores. No próximo domingo, pela penúltima rodada da competição nacional, o time tricolor encara o já rebaixado Figueirense, às 19h30, no Orlando Scarpelli, em Florianópolis. Em seguida, no dia 4 de dezembro, fecha sua campanha diante do ameaçado Internacional, às 17 horas, no Maracanã.