Com vaga na Sula em risco, Marcão exalta peso de jogo do Flu com Inter

A busca por uma vaga no torneio internacional virou o novo consolo para uma equipe que acumulou seu nono jogo

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 28 - Ao ser derrotado por 1 a 0 pelo já rebaixado Figueirense no último domingo, em Florianópolis, o Fluminense viu acabarem de vez as suas chances de classificação para a Copa Libertadores e passou a conviver com o risco de não garantir vaga sequer na Copa Sul-Americana. Com 49 pontos na 12ª posição, o time precisará vencer o Internacional na rodada final do Campeonato Brasileiro, no próximo domingo, às 17 horas, no Maracanã, para garantir um lugar na competição continental.

A busca por uma vaga no torneio internacional virou o novo consolo para uma equipe que acumulou seu nono jogo seguido sem vitórias no Brasileirão. Até por isso, o técnico Marcão exaltou o peso do confronto diante do ameaçado Inter, que está na luta direta contra o rebaixamento, pois ocupa a 17ª posição, com 42 pontos, mesmo depois de ter vencido o Cruzeiro por 1 a 0, no último domingo.

"Estão todos muito tristes, pois queríamos um resultado melhor contra o Figueirense. Mas com a sensação de que (os jogadores) fizeram o máximo. Temos jogo dificílimo diante do Internacional, vale muito para eles e para nós", ressaltou.

O jejum de vitórias também incomoda o treinador tricolor, que viu fracassar a sua estratégia de promover quatro mudanças na equipe titular em relação ao time que foi derrotado por 1 a 0 pela Ponte Preta, na rodada anterior, em Campinas.

"Quando não vêm as vitórias, a gente procura alternativas. Foi o que aconteceu na semana, estamos incomodados, não podemos ficar assim. Por isso buscamos algumas mudanças, trouxemos uma galera que não vinha jogando, os jogadores se empenharam. Fizeram o melhor, tivemos mais posse de bola... Mas levamos mais um gol de bola parada, que treinamos muito. Não fomos efetivos na hora de fazer o gol", lamentou.

O último triunfo do Fluminense no Brasileirão aconteceu no dia 1º de outubro, quando bateu o Sport por 3 a 1, em casa, pela 28ª rodada. De lá para cá, a equipe carioca somou apenas três pontos ao acumular seis derrotas e três empates.