Zé Ricardo lembra até de Muricy ao lamentar empate do Fla, mas já mira vice

Treinador destacou que o time criou e não foi efetivo em diversas oportunidades contra o Coritiba, relembrando que 'a bola pune'

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 21 - Após o Flamengo sofrer no final do jogo o empate que decretou o empate por 2 a 2 com o Coritiba, na noite deste domingo, no Maracanã, o técnico Zé Ricardo não escondeu a frustração com o fato de que o time agora não tem mais chances matemáticas de buscar o título do Campeonato Brasileiro, pois ficou a sete pontos do líder Palmeiras a duas rodadas para o final da competição. Entretanto, lembrou que a equipe precisa se manter de cabeça erguida e motivada em busca do vice-campeonato nacional.

E no próximo domingo o time rubro-negro irá encarar justamente o vice-líder Santos, às 17 horas, no Maracanã, pela penúltima rodada, em uma espécie de final na busca por este posto no Brasileirão. Terceira colocada, a equipe carioca está apenas um ponto atrás dos santistas, que ainda alimentam chance matemática de serem campeões nacionais. Para isso, porém, teriam de contar com duas derrotas do Palmeiras e vencer os dois jogos que terão pela frente nestas duas últimas rodadas.

Zé Ricardo relembra expressão utilizada por Muricy
Zé Ricardo relembra expressão utilizada por Muricy
"Estamos frustrados, lógico, mas passamos a ter um objetivo secundário, que é a busca pelo vice-campeonato. Vamos tentar nos recuperar dessa frustração de hoje (domingo) para estar preparado para o jogo da semana que vem. Temos uma semana para preparar a equipe para o confronto direto com o Santos", ressaltou Zé Ricardo, em entrevista coletiva na qual tentou mostrar ânimo ao projetar objetivos menos nobres.

A BOLA PUNE
Entretanto, foi impossível não lamentar a sequência de vacilos do Flamengo na reta final deste Brasileirão. Ele até lembrou de uma velha expressão proferida com frequência por Muricy Ramalho, seu antecessor no cargo, ao comentar o empate sofrido diante do Coritiba, após os rubro-negros terem aberto 2 a 0 de vantagem, e a queda de desempenho do time que agora se vê fora da disputa pelo título.

"Criamos várias oportunidades, como diz um velho ditado do professor Muricy, a bola pune e puniu a gente. É continuar, infelizmente não temos mais condições de título. Aquela expectativa que tinha de voltar ao Maracanã e ser impulsionado pelas vitórias infelizmente não aconteceu. Serve de ensinamento. Vamos ter que buscar forças para sair desse luto e buscar fazer o máximo para terminar bem o campeonato", se conformou o comandante.

Após encarar o Santos no domingo, o Flamengo irá fechar a sua campanha no Brasileirão contra o Atlético-PR, no dia 4 de dezembro, na Arena da Baixada, em Curitiba. Já a equipe santista fará uma partida bem mais tranquila na rodada final, pois pegará o lanterna e rebaixado América-MG, na Vila Belmiro.