Walter quer Corinthians com vaga na Copa Libertadores para evitar 'pedrada'

Com o empate sem gols com o Atlético-PR na última rodada, o Timão chega à última rodada precisando vencer e torcer por resultados

por Agência Estado

São Paulo, SP, 28 (AFI) - O empate diante do Atlético Paranaense fez com que o Corinthians chegasse na 38.ª e última rodada do Campeonato Brasileiro sem depender apenas de suas forças para garantir a classificação para a Copa Libertadores. O goleiro Walter acredita que a equipe entrará pressionada diante do Cruzeiro, no próximo domingo, às 17 horas, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, e além de cumprir com a sua missão dentro de campo, terá que secar os rivais.

"Se acabar o jogo e não estivermos classificados, vai vir bastante pedrada em nós. O ano foi assim. Parecia que ia engrenar e aí a gente perdia um jogo que era chave. E nós ainda empatamos muitos jogos em casa e tivemos um ano turbulento. Conseguindo a classificação, dá uma baixada na poeira e começamos o ano que vem com outra pegada", disse o goleiro, que continua como titular e deixa Cássio no banco de reservas.

O Corinthians tem 55 pontos e para se classificar precisa vencer o Cruzeiro e torcer contra Botafogo ou Atlético Paranaense, que têm 56. O time carioca visita o Grêmio, em Porto Alegre, enquanto que o paranaense vai encarar o Flamengo, em Curitiba.

O elenco corintiano se reapresentou nesta segunda-feira e o treinamento dos reservas durou cerca de 15 minutos apenas. Um temporal fez com que os jogadores fossem para a academia. Mas no pouco tempo em que estiveram no campo, foi possível ver como novidade a presença do atacante Rildo, recuperado de uma contratura na região da bacia.