Oswaldo de Oliveira encara jogo com Atlético-PR como final

Os dois times são concorrentes diretos na briga por uma vaga para a Libertadores do ano que vem

por Agência Estado

São Paulo, SP, 26 (AFI) - Na rodada do Campeonato Brasileiro que pode culminar com o título do Palmeiras, uma outra decisão será realizada no estádio Itaquerão, em São Paulo. Em um confronto direto por uma vaga para a Copa Libertadores, o Corinthians recebe o Atlético Paranaense, neste sábado, às 21 horas, pela 37.ª e penúltima rodada, dependendo apenas de si para salvar o ano e se garantir na competição continental.

Além do Atlético Paranaense, o Corinthians tem pela frente o Cruzeiro, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, no dia 4 de dezembro, um domingo, na 38.ª e última rodada. Se vencer os dois jogos, estará classificado. O time paulista soma 54 pontos, um a menos que o time de Curitiba e o Botafogo, que também joga neste sábado contra a Ponte Preta, no Rio.

"Uma vitória nos interessa muito e esse jogo tem cara de final. Vejo outros clubes com a mesma grandeza do Corinthians e que não conseguiram chegar nessa disputa", comentou o técnico Oswaldo de Oliveira, que nega ver uma classificação para a Libertadores como prêmio de consolação para o atual campeão brasileiro. "Vivemos um ano de transição, com futuro promissor", ponderou.

Destaque na vitória sobre o Internacional, o meia Marlone soube aproveitar o espaço deixado por Giovanni Augusto, que estava suspenso, e permanece na equipe. O meia Rodriguinho retorna ao time e manda Uendel de volta à lateral esquerda. Assim, Guilherme Arana vai para o banco de reservas.