Ferroviária 1 x 0 Catanduvense – Locomotiva segue nos trilhos rumo ao título

O goleiro Matheus deixou o campo como herói por ter defendido um pênalti quando a partida estava empatada

por Agência Futebol Interior

Araraquara, SP, 15 (AFI) - A Ferroviária fez o dever de casa e garantiu a classificação para as quartas de final da Copa Paulista ao vencer o Catanduvense, por 1 a 0, neste sábado, na Arena Fonte Luminosa, pela última rodada da segunda fase. Quase duas mil pessoas viram uma atuação de gala do goleiro Matheus, que defendeu um pênalti quando a partida ainda estava 0 a 0. Este jogo teve o apoio da Federação Paulista de Futebol (FPF) com o projeto Futebol Sustentável (troca de duas garrafas pets por um ingresso). Mais de três mil torcedores foram ao estádio.

Os dois times entraram em campo dependendo apenas de suas próprias forças, mas podiam se classificar até mesmo com uma derrota, desde que o Bragantino não vencesse o Santos, o que não aconteceu. A Ferroviária terminou na liderança do Grupo 6, com dez pontos, e vai conhecer seu adversário nas quartas neste domingo. Já o Catanduvense estacionou nos nove e caiu para o terceiro lugar.

Jogadores da Ferroviária comemoram o gol marcado por Elder Santana, que deu a classificação ao time grená - Leonardo Fermiano
Jogadores da Ferroviária comemoram o gol marcado por Elder Santana, que deu a classificação ao time grená

O JOGO!
A partida começou bastante equilibrada na Arena Fonte Luminosa e o Catanduvense quase surpreendeu os donos da casa aos 12 minutos, quando Fabiano desviou de cabeça e a bola passou raspando a trave.

A Ferroviária não conseguia jogar e viu o Bruxo desperdiçar um pênalti aos 25. Fabinho tentou o chute após cobrança de escanteio e a bola acertou o braço de Elder Santana. Tales bateu e Mateus defendeu.

FERRINHA ACORDOU
O lance acordou a Ferroviária, que abriu o placar quatro minutos depois. Elder Santana aproveitou cruzamento, subiu entre os zagueiros e cabeceou no cantinho. Na sequência, Rafael Castro cabeceou e quase marcou o segundo dos donos da casa. O Catanduvense era melhor até o sofrer o gol, mas acabou sentindo e não conseguiu produzir mais nenhum lance de perigo.

Logo no começo do segundo tempo, Wellington cobrou falta e Elder Santana subiu mais que todo mundo, cabeceando no cantinho. Dessa vez, porém, Wendell levou a melhor e fez a defesa.

Na sequência, Caio Fernando recebeu de Bruno Lopes e soltou a bomba pela linha de fundo, mas a bola desviou no meio do caminho em um zagueiro do Catanduvense. A Ferrinha voltou a desperdiçar uma oportunidade com Bruno Lopes, finalizando em cima do goleiro.

PRESSÃO NO FINAL
O Catanduvense por muito pouco não empatou aos 32. A zaga grená saiu jogando errado e colocou Fabinho na cara do Mateus, que foi dribaldo pelo atacante, mas conseguiu se recuperar, fazendo grande defesa.

Nos minutos finais, o Bruxo partiu com tudo para cima e viu a Ferroviária desperdiçar uma chance incrível nos acréscimos. Dentro da área, Bruno Lopes chutou em cima de Wendell, que já estava caído.

Ficha Técnica

Fase
Segunda Fase
Rodada
6ª rodada
Data
15/10/2016
Horário
16h00
Local
Arena Fonte Luminosa - Araraquara (SP)
Árbitro
Salim Fende Chavez

Renda
R$ 13.650,00
Assistentes
Rogerio Pablos Zanardo e Diogo Correia dos Santos

Público
1.794 pagantes (3.362 total)
Cartões Amarelos
Catanduvense: Giovane, Fabiano, Felipe

Gols
Ferroviária: Elder Santana 29' 1T
Ferroviária
Matheus;
Willian Cordeiro, Raniele (Patrick), Luan e Sávio;
Rafael Castro, Kaio Fernando e Diego Souza (Artur);
Elder Santana, Bruno Lopes e Wellington (Fabrício).
Técnico: Antônio Picoli
Catanduvense
Wendell;
Tales, Luciano, Brumatti e Marcelo Vilela;
Carlinhos, Léo Ribeiro (Douglas), Giovane (Luiz Henrique) e Alex Silva;
Fabinho e Fabiano (Felipe).
Técnico: Sérgio Caetano