Catarinense: Chapecoense apresenta Grolli, Nadson e Rossi como primeiros reforços

A dois dias da apresentação do elenco, expectativa é que o clube confirme nomes dados como certo em Santa Catarina

por Agência Estado

Chapecó, SP, 04 - Em reconstrução após a tragédia aérea que provocou 71 mortes no fim de novembro, a Chapecoense apresentou nesta quarta-feira os três primeiros reforços do clube para a temporada 2017, casos do zagueiro Douglas Grolli, do meia Nadson e do atacante Rossi, que passam a fazer parte do elenco que será comandado pelo técnico Vagner Mancini.

Esses três jogadores são os únicos que a diretoria da Chapecoense oficializou como reforços para 2017. O clube catarinense tem adotado um tom cauteloso no anúncio das contratações, só as confirmando após a realização de exames médicos e assinatura dos acordos pelos jogadores.

Chapecoense apresenta reforços para temporada 2017
Chapecoense apresenta reforços para temporada 2017
Douglas Grolli, de 27 anos, é um velho conhecido da torcida da Chapecoense, tendo defendido o time em outras duas oportunidades. Agora, o zagueiro chega cedido por empréstimo pelo Cruzeiro. O atacante Rossi, de 23 anos, estava no Goiás. Ele assinou um contrato válido pelas próximas três temporadas.

O meia Nadson, também de 27 anos, defendeu o Paraná em 2016. Ele firmou um vínculo pelas próximas duas temporadas. Durante a apresentação, ele revelou que o clube catarinense tentou contratá-lo no segundo semestre de 2016, após Hyoran se lesionar. "No ano passado, o Paraná não me liberou", disse.

MAIS GENTE CHEGANDO...
A dois dias da apresentação do elenco, a expectativa é para que a Chapecoense confirme logo a chegada de nomes que vem sendo dados como certos. O meia Dodô, do Atlético-MG, também já foi citado inclusive pelo presidente do clube.

Também devem chegar o zagueiro Fabrício Bruno (Cruzeiro), o volante Andrei Girotto (Kyoto Sanga, do Japão), o lateral-direito Moisés (Grêmio), o lateral-direito uruguaio Zeballos (Defensor, do Uruguai) o lateral-esquerdo Reinaldo, o meia Daniel (ambos do São Paulo) e os atacantes Wellington Paulista (do Fluminense) e Niltinho (do Criciúma).