Chapecoense veta contratação de superestrela para 2017

Ronaldinho Gaúcho era o mais cotado para vestir a camisa do clube no próximo ano

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 01 (AFI) - Após a tragédia de avião que vitimou 19 jogadores da Chapecoense, além de jornalistas, tripulantes e comissão técnica, os torcedores mobilizaram as redes sociais atrás de um grande nome para ajudar na reconstrução do time na temporada 2017. E o nome de Ronaldinho Gaúcho foi o mais citado.

Ronaldinho Gaúcho dificilmente deve defender a Chape
Ronaldinho Gaúcho dificilmente deve defender a Chape
Em entrevista nesta quinta-feira, o empresário e irmão Assis falou que pretende ajudar a Chapecoense e não descartou a ida de Roandinho Gaúcho para Chapecó. O chefe do departamento de análise e desempenho do clube, Victor Hugo Nascimento, tratou de cortar qualquer possibilidade de contratação de uma superestrela.

Segundo o dirigente, a ideia da Chapecoense é reconstruir o time com o que tem, além de sua tradicional filosofia que lhe trouxe vários frutos nos últimos anos. Além de Ronaldinho Gaúcho, Kaká e Adriando Imperador também foram cotados para defender o time no ano que vem.

Os jogadores que não viajaram e seguem com a equipe no Brasil são: os goleiros Marcelo Boeck, e Nivaldo, os meias Neném e Martinuccio, e o atacante Hyoran, além dos zagueiros Rafael Lima e Demerson.