Série B: Ceará vai de força máxima para estragar festa do Vasco

Em sua despedida, o técnico Sérgio Soares vai mandar a campo o que tem de melhor

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 25 (AFI) - O Ceará não tem mais pretensões no Campeonato Brasileiro da Série B, mas vai participar de um dos principais jogos da última rodada. Com força máxima, o Vozão espera estragar a festa preparada pelo Vasco da Gama neste sábado, no Maracanã.

Na quarta colocação, com 62 pontos, o Gigante da Colina precisa da vitória para não depender de outros resultados e comemorar o acesso à elite. Mais de 60 mil ingressos foram vendidos. Em nono lugar, com 54, o Ceará quer ser a "pedra no sapato" dos cariocas.

"Por mim não sobe. Quando a gente entra em campo, entra para vencer. É um jogo muito importante e o Brasil inteiro vai estar assistindo. Já me ligaram pedindo que a gente rebaixe o Vasco, mas teve vascaíno que veio me pedir para aliviar. Não tem essa", afirmou o atacante Bill.

Jogadores do Ceará aderiram a campanha Novembro Azul promovida pela Fenapaf
Jogadores do Ceará aderiram a campanha Novembro Azul promovida pela Fenapaf
A partida deste sábado vai marcar também a despedida de Sérgio Soares, que já foi avisado pela diretoria que não terá seu contrato rescindido para a próxima temporada. O nome do substituto ainda não está definido, mas a tendência é que seje Gilmar Dal Pozzo, ex-Paysandu e Náutico.

Sem nenhuma baixa por suspensão ou contusão, Sérgio Soares relacionou o que tem de melhor, inclusive o meia Felipe e o atacante Lelê, que eram dúvidas. Os dois vão começar jogando contra o Vasco.

O provável Ceará é: Éverson; Tiago Cametá, Ewerton Páscoa, Valdo e Eduardo; Richardson, Felipe, Felipe Menezes e Wescley; Bill e Lelê.

CONSCIENTIZAÇÃO
Com o intuito de conscientizar a população masculina para a prevenção ao câncer da próstata, os jogadores do Ceará Sporting Club aderiram na última quinta feira ao movimento conhecido em todo mundo, o Novembro Azul. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a doença é a segunda mais comum entre os brasileiros, atrás apenas do câncer de pele não-melanoma.

Ainda, com o objetivo de orientar e conscientizar sobre a importância da sua prevenção e diagnóstico precoce, a FENAPAF promove uma campanha de conscientização junto aos atletas de futebol profissional, abordando o tema durante as rodadas das séries A e B neste final de semana.