Série C: PM solicita e ASA tenta antecipar o confronto com o Guarani

Em contato com o Futebol Interior, Rodrigo Pastana revelou que a possível mudança não altera a preparação

por Agência Futebol Interior

Arapiraca, AL, 23 (AFI) – O ASA enviou à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) um pedido para antecipar o confronto com o Guarani, nas quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série C, para o dia 30, numa sexta-feira. Atualmente o jogo estava marcado para o sábado, dia 1º de outubro, no estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca, às 19 horas. De acordo com o clube, a solicitação veio da Polícia Militar (PM) de Alagoas.

Isso porque a eleição está marcada para o domingo, dia 2 de outubro, e mobilizará um grande contingente policial, inclusive para cidades vizinhas e na região. Com isso, o batalhão comunicou à Federação Alagoana de Futebol que não poderá disponibilizar um ‘número ideal’ de profissionais para fazer a segurança dentro do estádio e no entorno.

ELEIÇÃO É O PROBLEMA
O tenente-coronel J. Claudio, comandante da Polícia Militar de Arapiraca, confirmou à rádio CBN de Campinas que realmente solicitou a antecipação para sexta-feira ou alertou ao clube que precisaria de uma equipe de segurança particular para garantir o público fora do estádio e nas arquibancadas.

"Neste caso a gente só faria a segurança dentro do campo para o trio de arbitragem", explicou o PM. Ele informou que o comando da cidade vai trabalhar em 14 cidades da região, vigiando um total de 155 locais de votação - 40 só em Arapiraca.

O gerente de futebol do ASA, José Oliveira, afirmou estar aguardando uma posição da CBF, mas trabalha com a possibilidade de antecipação do jogo. em princípio seriam reservados três mil lugares para a torcida de Campinas, mas como a expectativa é bem menor - de 100 a 220 torcedores - deve diminuir o espaço.

PM solicita e ASA tenta antecipar o confronto com o Guarani na Série C
PM solicita e ASA tenta antecipar o confronto com o Guarani na Série C

GUARANI TRANQUILO
Independente disso, uma força-tarefa do ASA trabalha para ampliar as arquibancadas metálicas do estádio, afim de aumentar a capacidade. O superintendente de futebol do Guarani, Rodrigo Pastana, conversou com exclusividade com o Futebol Interior e preferiu manter a cautela. Com a melhor campanha da primeira fase, líder do Grupo B, o time de Campinas vive a expectativa de conquistar o acesso.

“Pra gente não interfere em nada, é uma decisão deles. Nós já tínhamos antecipado a preparação, vamos viajar na quarta-feira, até pra se adaptar. Então se o jogo for na sexta-feira não muda nada pra gente. Agora tem que ver se vai acontecer, até porque tem a televisão também. Mas vamos ver, tá tudo dentro do que a gente esperava”, comentou. A delegação viajaria à noite e deve antecipar para a tarde de quarta-feira.