Santa Cruz-PE 4 x 0 Rio Branco-AC - Tricolor pede desculpas aos torcedores!

Em cima, pernambucanos fizeram dois no primeiro tempo e dois no segundo

por Agência Futebol Interior

Mas, na noite desta quarta-feira, no Arruda, em Recife, em jogo remarcado, o Santa Cruz pediu desculpa a todos e goleou o Rio Branco, por 4 a 0.

Recife, PE, 31 (AFI) - A derrota para o Baraúnas, por 2 a 0, no último domingo não foi engolida por ninguém. Sobruo para o técnico Sandro, que foi muito pressionado durante a semana. Mas, na noite desta quarta-feira, no Arruda, em Recife, em jogo remarcado, o Santa Cruz pediu desculpa a todos e goleou o Rio Branco, por 4 a 0.

Com isto, o Tricolor voltou para o G4 chegando aos 13 pontos, na quarta colocação, deixando o Luverdense, em quinto, que tem 11. Já o Rio Branco caminha a passos largos para o rebaixamento. Com apenas três pontos, em oito jogos disputados, a campanha do time é pífia.

Pedido de desculpa, parte I
Precisando da vitória, o Santa Cruz começou o jogo no campo de ataque, pressionando de todos os lados o Rio Branco. Com o apoio do seu torcedor, que na noite parecia apoiar o time, conseguiu abrir o placar, aos 21 minutos. Após cobrança de escanteio, Renan Fonseca subiu mais que todo mundo e testou para o fundo das redes.

Aos 25, Natan fez boa jogada e foi derrubado por Zé Adriano. O árbitro mandou o jogo seguir, mas todos no estádio reclamaram do lance. A pressão era muito e o Santa chegou ao segundo gol, aos 35 minutos. Renatinho fez boa jogada e soltou um petardo de fora da área, sem chances para o goleiro Douglas, que tentou chegar na bola, mas não alcançou.

No final do primeiro tempo, o Tricolor seguiu em cima, enquanto, o Rio Branco, um dos piores times da competição, não conseguia criar nada no setor ofensivo, com muitas dificuldades em campo.

Pedido de desculpa, parte II
Se na etapa inicial, o Santa foi bem, no segundo, foi melhor ainda. No primeiro minuto, Júnior Xuxa bateu de fora da área e acertou a trave de Douglas. Dois minutos depois, Natan tabelou com Leozinho e foi derrubado por Zé Adriano. Desta vez o árbitro marcou e na cobrança, Dênis Marques bateu com categoria, fazendo o terceiro no jogo.

O Estrelão piorou em campo, melhor para o Santa e seus torcedores, que fizeram uma linda festa. Aos 16, Natan foi lançado, invadiu a área e bateu na saída do goleiro Douglas, vendido na jogada. O Santa continuou em cima, pressionando e querendo o quinto gol, mostrando a facilidade do jogo.

No final do jogo, o Santa administrou a posse de bola, trocou muitos passes e comemorou o resultado. Já o Rio Branco continuou perdido em campo, sem criar nenhuma jogada ofensiva.

Próximos jogos
O Santa Cruz volta ao gramado no próximo sábado, quando enfrenta o Sampaio Corrêa, no Maranhão, às 16 horas. Já o Rio Branco joga contra o Cuiabá, no Acre, domingo, às 19 horas.

Ficha Técnica

Fase
1ª fase
Rodada
26ª rodada
Data
31/07/2013
Horário
20h30
Local
Estádio do Arruda, em, Recife-PE - PE
Árbitro
Leandro Saraiva Dantas de Oliveira (RN)

Assistentes
Ubiratan Bruno Viana (RN) e Izac Marcio da Silva Oliveira (RN)
Renda

Público
Cartões Amarelos

Cartões Vermelhos
Gols
Santa Cruz-PE
Tiago Cardoso; Nininho (Éverton Sena), Leandro Souza, Renan Fonseca e Renatinho; Ramirez, Dedé, Raul (Leozinho), Júnior Xuxa e Natan (Flávio Caça-Rato); Dênis Marques.
Técnico: Sandro Barbosa
Rio Branco-AC
Douglas; Pé de Ferro, Leandro Camilo, Zé Adriano; Totonho (Lorran), Ricardo Oliveira, Marquinhos Costa, Rodriguinho (Giovanni), Pedro Henrique; Araújo Jordão e Marcelo Brás (Juliano César)
Técnico: Everton Goiano