É quente! Jogadores quase saem na mão após clássico pela Série B

Rossi e Christiano teriam se envolvido em confusão nos vestiários do Serra Dourada

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 15 (AFI) - O clima ficou ainda mais quente após o clássico entre Vila Nova e Goiás, neste sábado, no Serra Dourada, em Goiânia, pela 31ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Tigre saiu com a vitória por 2 a 1, mas nos vestiários o bicho pegou.

Após o confronto, o lateral Christiano, do Vila Nova, que entrou no segundo tempo, teria ido até os vestiários do Goiás para agredir o atacante Rossi, do Goiás. Na saída do gramado, o camisa 7 esmeraldino teria xingado os jogadores do Vila Nova.

Um tumulto chegou a começar nos bastidores do Serra Dourada, mas seguranças dos dois times conseguiram apaziguar os ânimos.

Rossi, aliás, foi um dos principais pivôs do clássico. No primeiro tempo, ele reclamou bastante que teria sido agredido pelo zagueiro Gustavo, do Vila Nova. O árbitro entendeu de forma diferente e deixou o jogo seguir. Já no final da partida, o atacante se desentendeu com Marcelo Cordeiro.