Joinville x Avaí - Clássico dos opostos tem estreia no banco

Ramon Menezes foi contratado para o lugar de Lisca com a missão de livrar o JEC do rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Joinville, SC, 22 (AFI) - O clássico catarinense da 27ª rodada do Brasileiro da Série B vai reunir nesta sexta-feira, a partir das 20h30, na Arena Joinville, dois times que realizam campanhas opostos no campeonato. O Joinville aposta na estreia do técnico Ramon Menezes para escapar do rebaixamento, enquanto o Avaí está na briga por uma vaga na elite de 2017.

A última vitória do Joinville foi justamente em um duelo catarinense, quando bateu o Criciúma, por 1 a 0, no Heriberto Hülse, pela 21ª rodada. De lá para cá, o Coelho empatou três (Bahia, Tupi e Náutico) e perdeu dois (Londrina e Vasco da Gama). A derrota para o Gigante da Colina causou a eliminação de Lisca e a contratação do ex-jogador Ramon Menezes como treinador. Com 24 pontos, o JEC é o penúltimo colocado e está em situação desesperadora.

Os dois times se enfrentaram na Ressacada pelo primeiro turno e o Joinville levou a melhor
Os dois times se enfrentaram na Ressacada pelo primeiro turno e o Joinville levou a melhor
Dono da melhor campanha do returno, o Avaí defende uma invencibilidade de seis jogos, com cinco vitórias (Sampaio Corrêa, Luverdense, Criciúma, CRB e Bragantino) e um empate (Ceará). Por conta dessa boa sequência, o Leão se distanciou da zona de rebaixamento e subiu para o sétimo lugar, com 39 pontos. O time azzurra precisa de um simples empate para dormir no G4, pois passaria o Ceará no número de vitórias.

NÚMEROS!
De acordo com o pesquisador e vice-presidente do Conselho Deliberativo do Avaí, Spyros Diamantaras, os dois times já se enfrentam 195 vezes na história e o Joinville leva ampla vantagem, com 85 vitórias contra 59 do Leão, além de 51 empates. O último confronto aconteceu no primeiro turno desta Série B, no dia 11 de junho, e o JEC ganhou por 1 a 0, na Ressacada.

O técnico Ramon Menezes faz sua estreia no comando do Joinville
O técnico Ramon Menezes faz sua estreia no comando do Joinville
ESTREIA DO PROFESSOR

Para cumprir a missão de escapar do rebaixamento, a diretoria do Joinville aposta em uma nova comissão técnica. Ramon Menezes foi apresentado durante a semana como o substituto de Lisca. Campeão da Copa Libertadores com o Vasco da Gama em 1998, o ex-jogador pendurou as chuteiras no JEC em 2012, um ano depois de ter conquistado a Série C. Em 2014, ele era auxiliar de Hemerson Maria no título da Série B.

Após cumprir suspensão automática por ter levado o terceiro cartão amarelo, o volante Naldo, que esteve ausente em apenas três partidas na Série B, pode novamente reforçar o setor de marcação da equipe tricolor.

Por outro lado, o lateral esquerdo Fernandinho não participou dos treinamentos da última segunda-feira e deve ser vetado pelo Departamento Médico. Se realmente não reunir condições de entrar em campo, Diego deve ser o substituto. Além desta mudança, zagueiro Rafael Donato e o atacante Erick Luis foram reintegrados ao grupo principal após a chegada de Ramon.

NEM TUDO SÃO FLORES

A boa campanha realizada pelo Avaí no Campeonato Brasileiro da Série B não reflete fora de campo. A diretoria vem encontrando muitas dificuldades para pagar os salários dos jogadores e, no último final de semana, o meia Marquinhos desabafou após a vitória sobre o Bragantino na Ressacada. O ídolo e capitão foi além e pediu a ajuda dos torcedores.

Marquinhos lembrou que os problema extra-campo precisam ser resolvidos no Avaí
Marquinhos lembrou que os problema extra-campo precisam ser resolvidos no Avaí
"Tem que resolver a questão salarial. O Battistotti (Francisco Battistotti, presidente do Avaí) não desiste, vai atrás de parcerias, patrocinadores... A gente está vendo a dificuldade dele, mas é claro que a vitória não pode apagar que estamos precisando de ajuda. Que o torcedor compre a ideia também, que compareça como compareceu. A gente tem 4.500 sócios e isso é pouco para a grandeza do Avaí. Se não abraçarem a causa, fica muito mais difícil e o clube acaba se enfraquecendo", alertou o camisa 10.

Nesta quinta-feira, o técnico Claudinei Oliveira comandou o último treinamento antes do clássico e praticamente definiu o time que vai entrar em campo. A única dúvida é no ataque. Com dores no ombro, Lucas Coelho está na lista dos relacionados, mas será melhor avaliado pelos médicos. Se não tiver condições, Tatá aparece entre os titulares.

O zagueiro Betão e o volante João Filipe estão lesionados e ficaram em Florianópolis. Na defesa, Gabriel será o companheiro de Fábio Sanches, enquanto Caio César foi o escolhido para substituir João Filipe. No mais, o time é o mesmo que venceu o Bragantino.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
27ª rodada
Data
23/09/2016
Horário
20h30
Local
Arena Joinville - Joinville (SC)
Árbitro
Bruno Arleu de Araújo (RJ)

Renda
R$ 87.690,00
Assistentes
Dibert Pedrosa Moisés (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)

Público
8.051 torcedores
Cartões Amarelos
Joinville-SC: Jael
Avaí-SC: Capa

Gols
Avaí-SC: Rômulo 22' 1T
Joinville-SC
Jhonatan;
Reginaldo, Rafael Donato, Ligger e Diego;
Naldo, Matheus Bertotto (Aldair), Tinga, Everton Silva (Juninho) e Bruno Ribeiro (Claudinho);
Jael
Técnico: Ramon Menezes.
Avaí-SC
Renan;
Fagner Alemão, Fábio Sanches, Gabriel e Capa;
Luan, Renato, Caio Cesar (Luiz Gustavo) e Marquinhos (Diego Jardel);
Lucas Coelho e Rômulo (Tatá).
Técnico: Claudinei Oliveira.