Ceará 0 x 0 Luverdense - Goleiro segura o Vozão, que chega a 10 jogos sem vencer

Diogo Silva foi o grande nome do jogo, evitando várias chances claras, especialmente do atacante Bill

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 20 (AFI) – O Ceará vive situação delicada na Série B do Campeonato Brasileiro e perdeu mais uma chance de se aproximar dos líderes. Nesta terça-feira, em partida que abriu a 27ª rodada, o time de Fortaleza ficou no empate sem gols com o Luverdense no Castelão e chegou ao décimo jogo seguido sem vencer.

Com mais volume de jogo, o time da casa mereceu a vitória, mas não conseguiu superar o goleiro Diogo Silva, principal nome do confronto. Com 40 pontos, o Ceará até dorme na quarta colocação, mas não tem chances de permanecer entre os primeiros até o final da rodada já que outros nove jogos ainda serão disputados e seis times podem ultrapassá-lo, incluindo CRB e Bahia, que se enfrentam no Rei Pelé, em Maceió (AL).

Com quatro pontos a menos, o Luverdense está no meio da tabela e vai somando pontos para se afastar da briga contra o rebaixamento. O primeiro time na zona da degola é o Bragantino, com 27.

FICOU NO QUASE
Empurrado pela torcida, o Ceará começou criando as melhores chances da partida, mas demonstrava nervosismo e insegurança para definir as jogadas, resultado do longo jejum de vitórias. Logo nos primeiros minutos, o atacante Bill recebeu um presente do zagueiro Luiz Otávio, que saiu jogando errado, e ficou sozinho contra o goleiro, mas bateu para fora.

O jogo seguiu movimentado e, apesar das duas equipes apresentarem um futebol ofensivo, os goleiros foram os grandes destaques da primeira etapa e evitaram que o placar fosse alterado.

GOLEIRO FRUSTRA VOZÃO
Após o intervalo, o Ceará voltou para o jogo com outra postura. Pressionando, o time da casa encurralou o adversário e criou diversas chances de perigo sem sofrer com contragolpes. Os cearenses dominavam a partida completamente e até chegaram a balançar as redes em duas oportunidades. Primeiro com Bill, em jogada que foi anulada por toque de mão do atacante, e depois com Lelê, em lance invalidado por posição de impedimento.

A pressão cearense seguiu até o final do jogo. Conforme o tempo ia passando, aumentava o nervosismo do time da casa e Diogo Silva seguia se tornando o herói do empate do Luverdense. Nos últimos minutos, Caio Quiroga recebeu dois cartões amarelos e foi expulso, mas a vantagem numérica por menos de cinco minutos não foi suficiente para o Ceará tirar o zero do placar.

PRÓXIMOS JOGOS
O Ceará volta a campo na próxima terça-feira, quando enfrenta o Brasil de Pelotas, no Bento de Freitas, pela 28ª rodada da Série B. No sábado seguinte, o Luverdense recebe o Tupi no Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT).

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
27ª rodada
Data
20/09/2016
Horário
21h30
Local
Castelão - Fortaleza (CE)
Árbitro
Edmar Campos Encarnaçao - AM

Renda
R$ 61.877,00
Assistentes
Marcos Santos Vieira e Jander Rodrigues Lopes - AM

Público
10.548 pagantes/ 11.364 no total
Cartões Amarelos
Ceará-CE: Felipe Menezes, Baraka, Bill
Luverdense-MT: Everton, Rafael Silva, Eder, Caio Quiroga

Cartões Vermelhos
Luverdense-MT: Caio Quiroga
Ceará-CE
Lauro;
Tiago Cametá (Thallyson), Charles, Douglas Marques e Eduardo;
Baraka, Diego Felipe (Rafael Costa), Felipe (Lelê), Wescley e Felipe Menezes;
Bill.
Técnico: Sérgio Soares
Luverdense-MT
Diogo Silva;
Raul Prata, Luiz Otávio, Everton e Paulinho;
Moacir, Ricardo e Sérgio Mota (Caio Quiroga);
Rafael Silva (Macena), Hugo e Alfredo (Eder).
Técnico: Júnior Rocha