Coisas do álcool: Ex-jogador do Bahia atirou em amigo

por Agência Futebol Interior

Salvador, BA, 31 (AFI) - A violência não poupa ninguém, nem mesmo os boleiros. Nengo (foto), ex-jogador do Feira de Santana até ano passado e que já defendeu o Bahia, atirou num amigo, Cristiano Correia, na madrugada deste sábado, depois de uma discussão no interior de um bar. O tiro acertou a perna do amigo, que passa bem.

Nengo, fichado como José Carlos Machado é filho do jornalista Carlos Pedreira, Zé Coió, proprietário de um jornal em Feira de Santana.

“Foi uma brincadeira entre amigos e eu esquentei a cabeça, mas não quis matar ninguém”, disse o ex-jogador à Polícia.

A história
De acordo com a Polícia, os dois são amigos e teriam tido uma discussão em um bar de propriedade do ex-jogador, que colocou o colega para fora do estabelecimento. A discussão foi retomada, mais tarde, na Avenida Getúlio Vargas, no centro de Feira de Santana, quando o veículo dirigido por Cristiano foi abordado pelo de Nego. O tiro veio em seguida.

Perseguido por uma viatura da polícia militar, o ex-jogador foi preso e levado para a 2ª Delegacia. Lá, foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma e lesão corporal. Cristiano Correia foi submetido a uma cirurgia e está internado em observação médica no Hospital Geral Clériston Andrade.

Ainda segundo a Polícia, Nego teria jogado a arma fora, um revólver calibre 32, fora, que depois foi encontrada pelos policiais em uma sorveteria.