Série B: Meia do Avaí não consegue esconder a felicidade após o acesso

O jogador aproveitou para completar sobre o amigo Renanzinho, que enfrenta um tumor no cérebro

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 25 (AFI) – O Avaí não está sabendo como conter a felicidade de ter garantido o acesso na Série B do Campeonato Brasileiro. No último final de semana o clube bateu o Londrina fora de casa e se garantiu na elite do futebol nacional. Agora o elenco se prepara para enfrentar o Brasil de Pelotas na Ressacada, às 17h30 deste sábado, pela 38ª rodada da competição.

“Essa alegria já vem acontecendo há muito tempo, sabíamos que o trabalho que estava sendo feito conseguiríamos conquistar este acesso, graças a Deus foi no último sábado contra o Londrina. Agora temos um último jogo e queremos uma boa vitória para coroar a partida para a nossa torcida”, afirmou o meia Renato, que enfrentou os microfones.

O jogador aproveitou para completar sobre o amigo Renanzinho, que enfrenta um tumor no cérebro e recebeu todo o apoio do clube avaiano: ”Sabemos do que ele está passando, infelizmente aconteceu isso, mas ele vai conseguir sair dessa e vamos, nesse sábado, fazer um jogo, que a torcida compareça para poder ajudar o Renan”, completou visivelmente sensibilizado.

Em campo o técnico Claudinei Oliveira só deve mexer no ataque. Isso porque William Batoré deve ganhar a última oportunidade do ano e começar o jogo como titular, isolado entre os zagueiros gaúchos. No restante o time deve ser o mesmo do último final de semana, com a promessa de festa em Florianópolis no último jogo da temporada a frente do torcedor.

O provável time conta com Renan; Alemão, Fábio Sanches, Betão e Capa; Luan, João Filipe, Renato, Diego Jardel e Marquinhos; William.