Walter manda desculpas à presidente do Atlético-PR por faixa polêmica

O jogador fez mea culpa, enquanto a torcedora falou que o atacante sabia sobre o que a faixa falava

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 18 (AFI) - O atacante Walter se viu no meio de uma polêmica no final de semana ao comparecer ao clássico entre Atlético-PR e Coritiba. O jogador acabou tirando uma foto com uma torcedores segurando uma faixa com os dizeres: 'Fora Petraglia', e acabou gerando um mal-estar dentro do clube, tanto que mandou um áudio para o presidente para explicar o ocorrido.

"Presidente, estou mandando esta mensagem para o senhor porque aquela mulher maldosa tirou uma foto minha e, se você olhar para a foto, eu nem sei, fui focar para foto, nem sei o que estava escrito na bandeira. Depois que fui ver na internet. Jamais ia fazer isso com o senhor, jamais. Jamais ia tirar uma foto daquela porque o senhor sempre deixou as portas abertas, sempre, entendeu? Tenho um carinho muito grande pelo senhor, um respeito muito grande. Estou aqui mandando esta mensagem para o senhor porque não tenho nada a ver com isso aí. A mulher foi maldosa. Se você pegar a foto aí, eu só olho para a foto", disse o 'gordinho'

Walter deixou o Atlético-PR sem dar muitas explicações. Muitos dão a saída devido a um conflito interno com os dirigentes do clube. O jogador, porém, é constantemente visto em Curitiba e ainda foi no vestiário do time, no clássico, para dar apoio ao seus ex-companheiros. O Furacão soltou, em seu site oficial, um nota sobre a polêmica, colocando a culpa na oposição da agremiação.

Walter, com a faixa 'fora Petraglia'
Walter, com a faixa 'fora Petraglia'
"A organização que se autodenomina como oposição no Atlético continua sua busca sistemática por fatos negativos ao Clube e este foi só mais um infeliz episódio. O deplorável campo político utilizado por estes grupos para desestabilizar a atual Administração chega aos extremos como proferir xingamentos no momento mais importante de um jogo de futebol, que é o gol, assim como torcer pelo pior resultado no clássico na Vila Capanema com o único intuito de fomentar e fortalecer suas vis intenções. Este clima de “protesto” não contribui em nada com o Clube. Por outro lado, esta Administração reconhece, agradece e enaltece o apoio da grande maioria dos torcedores que se fizeram presentes no clássico de ontem, apoiando e incentivando nossa equipe do começo ao fim. É essa festa que o Clube merece e precisa."

A responsável por toda essa confusão, a sócia Nayara Bortolotti, usou o Facebook para dar o seu lado da versão e jurou com os pés juntos que Walter sabia do conteúdo da faixa e que em nenhum momento hesitou em participar do protesto.

"Eles falam que eu manipulei o Walter por ele ter segurado esta faixa. Walter, você é um jogador que, para mim, tenho grande respeito, sempre que vejo, gosto de tirar foto com você. Mas gostaria que a atitude de você tivesse sido diferente porque eu mostrei a foto para você e você aceitou tirar a foto. Eu mostrei a faixa antes. Meus colegas olharam para mim, e falei "vou pedir para ele tirar a foto com a faixa". Falei: "Walter, rola segurar a faixa?" Você falou claro, sorriu para mim, segurou a ponta da faixa, e a gente tirou a foto junto. Atlético, aqui está o meu sócio, está em dia, e espero não ter problema para entrar na Arena", faltou q torcedores.