Atlético-PR 2 x 0 Coritiba - Vitória no clássico para animar

Furacão segue com grande campanha como mandante e vai aos poucos vendo o sonho da Libertadores se tornar realidade

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 16 (AFI) - Nem o rival Coritiba conseguiu interromper a boa campanha do Atlético-PR como mandante. Mesmo atuando no estádio Durival de Britto, na capital do Paraná, o Furacão impôs o seu ritmo e venceu a partida por 2 a 0. O jogo foi válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o triunfo, o time de Paulo Autuori está com 48 pontos, na briga pelo G6. Já a equipe de Paulo César Carpegiani caiu para a 13ª colocação, com 37 pontos, ainda na luta contra a zona de rebaixamento.

O JOGO
O forte sol que atingiu o estádio Durival de Britto não impediu que os jogadores corressem muito durante o primeiro tempo. O lance de perigo inaugural, entretanto, saiu de uma bola parada. Aos 12 minutos, Renan Lodi levantou para a área e Thiago Heleno errou o alvo por pouco.

Melhor na partida, o Furacão não demorou para abrir o placar. Aos 20 minutos, Pablo percebeu a bobeira da defesa do Coxa, recuperou um lance que parecia perdido e cruzou. Matheus Rossetto apareceu de surpresa e soltou uma bomba.A bola entrou no ângulo da baliza defendida por Wilson.

A resposta do Coritiba não demorou. Aos 25 minutos, João Paulo caprichou na cobrança de falta e encontrou o canto do gol esquerdo do Atlético-PR. Weverton mostrou porque é goleiro de Seleção Brasileira e fez uma defesa espetacular.

ATlético Paranaense não dá chance ao Coritiba e vence o clássico por 2 a 0. Foto: Atlético PR Oficial
ATlético Paranaense não dá chance ao Coritiba e vence o clássico por 2 a 0. Foto: Atlético PR Oficial

MAIS DO MESMO
No retorno para o segundo tempo, o Coritiba veio com uma proposta mais ofensiva, mas esbarrou na boa marcação do adversário. O que se viu, na verdade, foi mais do mesmo, com o Furacão dominando o meio-campo.

Aos 12 minutos, o torcedor do Coxa Branca já levantou de susto. Após cobrança de escanteio, Dodô falhou e a bola sobrou para Hernani. o volante soltou uma bomba, que, para sorte do time verde, explodiu na trave e não entrou.

O Furacão continuou melhor e conseguiu o segundo gol aos 23 minutos. Pablo recebeu dentro da área e deu leve toque para deslocar o goleiro Wilson e comemorar.

PRÓXIMOS JOGOS
O Atlético-PR volta a campo somente na segunda-feira da próxima semana (24), para enfrentar o América-MG, às 20h, na Arena Independência, em Belo Horizonte. Já o Coritiba atuará um dia antes, no domingo, às 18h30, contra o Fluminense, no Couto Pereira. Os jogos serão válidos pela 32ª rodada.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
31ª rodada
Data
16/10/2016
Horário
17h00
Local
Durival Britto - Curitiba (PR)
Árbitro
Bruno Arleu de Araujo (RJ)

Renda
R$ 69.080,00
Assistentes
Luiz Claudio Regazone (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)

Público
6.684 pagantes
Cartões Amarelos
Coritiba-PR: Leandro, Iago

Gols
Atlético-PR: Matheus Rossetto 20' 1T, Pablo 23' 2T
Atlético-PR
Weverton;
Léo, Thiago Heleno, Wanderson e Renan Lodi (Sidcley);
Otávio, Matheus Rossetto (Marcão), Hernani, Lucho González (João Pedro) e Lucas Fernandes;
Pablo.
Técnico: Paulo Autuori
Coritiba-PR
Wilson;
Walisson Maia, Luccas Claro e Juninho;
Dodô (Iago), João Paulo, Edinho (Carlinhos), Raphael Veiga e Juan;
Leandro e Vinícius (Kazim).
Técnico: Paulo César Carpegiani