Conselho Deliberativo do América vota cassação do presidente Zé Branco

Mandatário do clube é acusado de ter, supostamente, desviado recursos em favorecimento de um parente

por Oscar Silva -

São José do Rio Preto, SP, 16 (AFI) - O Conselho Deliberativo do América votará a partir das 18h desta segunda, a cassação do atual presidente do clube, José Carlos Pereira Neto, popularmente conhecido como Zé Branco. Em uma reunião extraordinária, os membros do conselho pretendem pôr fim a anarquia instaurada na entidade desde o afastamento do mandatário. O dirigente é acusado de depositar recursos do clube, cerca de R$ 74 mil, na conta de uma sobrinha, além de cobrar mensalidade dos atletas da base e, de ter parentes no Conselho Fiscal.

Atualmente, o vice-presidente Luiz Donizete Prieto, o Italiano, ocupa o cargo. No entanto, Zé Branco, não deixou a sala da presidência. A reunião deve iniciar com o presidente do Conselho Deliberativo, João Rodrigues. Com o relatório em mãos, será analisado o conteúdo e, na sequência deverá acontecer a votação de cassação.

Zé Branco deve ter seu mandato cassado no América (Foto: Reprodução / DHoje TV
Zé Branco deve ter seu mandato cassado no América (Foto: Reprodução / DHoje TV
VÁRZEA
A partida de volta das quartas de final do Campeonato Paulista Sub-11, entre América e Guarani, deveria ter sido realizada na manhã do último domingo, em Rio Preto, porém foi cancelada por falta de desfibrilador - exigência da Federação Paulista de Futebol (FPF).

O confronto de ida disputado na última semana, em Itatiba, terminou empatado, em 0 a 0. Os mandantes precisam de um novo empate para avançar as semifinais. Com o cancelamento, o Mequinha perdeu por W.O.

"Perdemos a partida por incompetência da diretoria do América e da Secretaria Municipal de Esportes", desabafou Francis Henrique Soares, torcedor americano.