'Vamos fazer de tudo para sair com a vitória', diz Sávio, atacante do América-MG

Mesmo com o rebaixamento já decretado, jogador entende como justas as cobranças do técnico, devido a queda na competitividade

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 25 (AFI) - Um dos pontos lamentados pelo técnico Enderson Moreira após o último jogo do América-MG foi a queda da competitividade do time no confronto contra o Grêmio. Os jogadores reconheceram a queda de produção e aceitaram as cobranças do treinador, como explica o atacante Sávio, que iniciou a partir como titular.

O jovem atleta americano revelou que competitividade sempre é cobrada pelo técnico Enderson Moreira no dia a dia. Ele acredita que as cobranças feitas pelo comandante americano foram justas, não só pelo resultado negativo, mas pela postura da equipe em campo.

“A competitividade é algo que o professor Enderson cobra sempre e ele está certo em cobrar isso. Quando você tem um time competitivo, você fica mais perto do resultado positivo. Então essa cobrança deve ser feita mesmo”, disse, em entrevista ao site oficial do clube.

Atacante entende que cobranças do treinador Enderson Moreira são justas (Foto: Carlos Cruz / América-MG)
Atacante entende que cobranças do treinador Enderson Moreira são justas (Foto: Carlos Cruz / América-MG)

DEDICAÇÃO
Mesmo com a situação americana já definida no Brasileiro, Sávio garante que não faltará empenho na partida de sábado (26/11), contra o Sport, na Arena Independência. O atacante americano espera um duelo difícil contra a equipe pernambucana, mas garante que o América fará de tudo para conquistar os três pontos diante do torcedor.

“Vai ser um confronto muito difícil, mas não vamos aliviar de forma alguma. Temos que entrar em campo e cumprir o nosso papel. Vamos fazer de tudo para sair com a vitória”, ressalta Sávio, que acrescenta dizendo esperar uma nova oportunidade do técnico Enderson Moreira.

“Venho trabalhando forte para continuar tendo oportunidades, entrando no início ou durante os jogos. Se o Enderson achar que eu tenho capacidade e deva entrar na partida, eu espero entrar e fazer o meu melhor para ajudar o América”, conclui.