Para dar esperança ao torcedor, Bruno Telles quer nova vitória do América -MG

Lateral espera arrancada do Coelho na fuga contra o rebaixamento, ele revela que está é uma conversa recorrente com Enderson Morreira

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 22 (AFI) - “Uma vitória do grupo”. Assim o técnico Enderson Moreira resumiu o triunfo do América-MG sobre o Internacional na noite de segunda-feira, na Arena Independência, em partida válida pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Antes mesmo de a bola rolar, o treinador teve problemas no titular. O goleiro João Ricardo foi cortado no aquecimento, dando lugar para Fernando Leal. No decorrer do jogo, o meia Osman e o lateral Gilson sentiram lesões e deram lugar ao jovem meia Matheusinho e ao lateral esquerdo Bruno Teles, respectivamente.

E todos que entraram conseguiram dar conta do recado e ajudaram de forma significativa na vitória por 1 a 0. Bruno Teles, que entrou na segunda etapa, mostrou muita disposição, raça e segurança em campo. O jogador se diz satisfeito, pois o bom resultado trouxe um grande alívio ao elenco, que treina mais confiante para enfrentar o Botafogo, no sábado (24/9), também em casa.

Bruno Telles entrou bem no segundo tempo contra o Internacional (Foto: Carlos Cruz / América-MG)
Bruno Telles entrou bem no segundo tempo contra o Internacional (Foto: Carlos Cruz / América-MG)
“Uma vitória sempre traz alívio. A gente está encarando a semana de trabalho com mais alegria. Após o jogo nós extravasamos e comemoramos como tem que ser, mas já nos reapresentamos focados para fazermos um bom jogo contra o Botafogo. Treinamos com bastante seriedade, fizemos um bom treino e deve ser assim durante toda a semana para estarmos 100% no confronto de sábado”, comenta.

MESMA PEGADA!
O lateral esquerdo também espera que a vitória contra o Internacional seja o início de uma arrancada no Campeonato Brasileiro. Bruno Teles destacou que essa é uma conversa frequente entre Enderson Moreira e os jogadores e disse que o América-MG deve encarar o jogo contra o Botafogo com a mesma intensidade e empenho com que enfrentou o duelo contra o Inter.

“Nós conversamos entre nós e até o professor Enderson bate bastante nessa tecla de que temos que fazer uma sequência de vitórias. Precisamos dessa sequência, então tivemos aí uma grande vitória contra o Inter. Agora, em casa contra o Botafogo, também precisamos encarar o jogo dessa forma. Dar o nosso máximo para conquistar uma vitória e aí, sim, iniciar uma sequência. Sabemos que cada jogo é bastante difícil, o Brasileiro é um campeonato muito difícil mesmo e estamos cientes de que cada jogo é uma guerra. E vamos encarar assim, jogo a jogo, vitória a vitória, para ganharmos um ânimo a mais e dar esperança ao nosso torcedor”, enfatiza o lateral americano.