Camarões vence Congo em amistoso e define lista final para Copa Africana

O defensor Ambroise Oyongo e o atacante Christian Bassogog marcaram, respectivamente aos 9 e aos 21 minutos do segundo tempo

por Agência Estado

Campinas, SP, 05 - A seleção camaronense de futebol venceu a República Democrática do Congo por 2 a 0, nesta quinta-feira, em amistoso disputado em seu país, na capital Iaundê. O confronto serviu como preparação para a próxima edição da Copa Africana de Nações, na qual a equipe nacional fará a sua estreia no dia 14 de janeiro, contra Burkina Fasso, em Libreville, no Gabão.

O defensor Ambroise Oyongo e o atacante Christian Bassogog marcaram, respectivamente aos 9 e aos 21 minutos do segundo tempo, os gols do duelo em Camarões. Os dois jogadores, por sinal, foram confirmados também nesta quinta na lista final de 23 nomes convocados para a disputa da principal competição do continente africano.

Quatro vezes campeão continental, com os títulos de 1984, 1988, 2000 e 2002, Camarões irá integrar o Grupo A da Copa Africana, que além de Burkina Fasso também conta com os anfitriões gaboneses e Guiné Bissau.

Camarões vence Congo em amistoso e define lista para Copa Africana
Camarões vence Congo em amistoso e define lista para Copa Africana
Embora seja sempre cotada como um dos favoritos ao título da Copa Africana, a seleção de Camarões não chega à final desde 2008, quando caiu diante do Egito na decisão.

Depois disso, o país não ficou sequer entre os quatro primeiros colocados nas quatro edições seguintes da competição, em 2010, 2012, 2013 e 2015.

Além da desconfiança dos seus torcedores, Camarões terá de superar desfalques de peso nesta Copa Africana.

O atacante Jean-Eric Maxim Choupo-Moting, que é nascido na Alemanha e escolheu atuar pela seleção camaronense, recusou na última terça-feira sua convocação para poder defender o Schalke 04 no período de disputa da competição continental. Antes dele, o defensor Joel Matip, do Liverpool, e o lateral Allan Nyom, do Watford, também tomaram a mesma decisão de não jogar o torneio.

Choupo-Moting é considerado titular da seleção do técnico Alexandre Belinga, que, sem o jogador do time alemão, convocou Vincent Aboubakar (Besiktas), Christian Bassogog (Aalborg), Clinton Njie (Olympique de Marselha), Robert Ndip Tambe (Spartak Trnava), Karl Toko-Ekambi (Angers) e Jacques Zoua (Kaiserslautern) como opções para o ataque.

Já os últimos dois a serem confirmados como desfalques de Camarões para a Copa Africana foram os defensores Henri Bedimo, do Olympique de Marselha, e Aurelien Chedjou, do Galatasaray, ambos por motivo de lesão.