Astros do futebol prestam solidariedade às vítimas do voo da Chapecoense

Neymar, Messi, Rooney, Sérgio Ramos e Kaká estão entre os jogadores que se manifestarem publicamente

por Agência Estado

Campinas, SP, 29 - Por meio de suas redes sociais na internet, diversos astros de futebol mundial prestaram solidariedade às vítimas do acidente com o avião que transportava a delegação da Chapecoense e caiu nesta terça-feira nas proximidades do aeroporto de Medellín, provocando a morte de pelo menos 70 pessoas.

Os jogadores manifestaram apoio, incredulidade e boas energias aos familiares dos passageiros que partiram de um voo que saiu de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, e não conseguiu chegar ao seu destino final. Na Colômbia, o time catarinense enfrentaria nesta quarta o Atlético Nacional no jogo de ida da decisão da Copa Sul-Americana, que obviamente acabou sendo cancelada.

Lionel Messi também utilizou sua conta no Twitter para prestar solidariedade
Lionel Messi também utilizou sua conta no Twitter para prestar solidariedade
Entre os grandes jogadores que se manifestaram está Neymar, que usou a sua página no Instagram para lamentar o ocorrido. "Impossível acreditar nessa tragédia, impossível acreditar no ocorrido, impossível acreditar que o avião caiu, impossível acreditar que atletas, seres humanos, estavam nesse avião, impossível acreditar que essas pessoas deixaram suas famílias .. é IMPOSSÍVEL ACREDITAR!!! Hoje o Mundo chora, mas o céu se alegra em receber campeões. Meus sentimentos a todos os familiares e amigos!!!!! FORÇA, CHAPE", postou o atacante do Barcelona.

OUTRAS ESTRELAS
Lionel Messi, companheiro de Neymar no Barça, destacou também: "Meu mais profundo pêsame a todas as famílias, amigos e torcedores do elenco da Chapecoense".

Wayne Rooney, capitão da seleção inglesa e do Manchester United, também não deixou de expressar o seu pesar pelo ocorrido. "Tristes notícias ao acordar hoje. Meus pensamentos estão com a Chapecoense e às suas famílias e amigos", escreveu em sua página no Twitter.

Sergio Ramos, capitão da seleção espanhola e do Real Madrid, foi outro a prestar solidariedade diante da tragédia. "Nossos pensamentos estão com todos os afetados pela tragédia e suas famílias. Não temos palavras. Muita força", escreveu.

Kaká, ex-São Paulo, Milan e Real Madrid e hoje no Orlando City, escreveu também: "Minhas orações a tragédia de hoje, peço a Deus que conforte os familiares, amigos e envolvidos. Meu mais profundo sentimento".