Tragédia em voo da Chapecoense abala São José do Rio Preto e região

Entre as vítimas fatais do desastre aéreo, estão profissionais com história no interior paulista

por Oscar Silva -

São José do Rio Preto, SP, 29 (AFI) - Tanto a região, quanto a cidade de São José do Rio Preto lamentam o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense. Entre as vítimas da tragédia estavam os atletas Aílton e Sérgio Manoel e o narrador Deva Paschovicci, pessoas conhecidas por realizar trabalhos ou já terem atuado na região.

Com apenas 22 anos de idade, o atacante Aílton foi revelado pelo Monte Azul, clube que disputa a Série A3 do Campeonato Paulista. Em 2013, o jovem disputou a Copa São Paulo de futebol Junior pelo Azulão. Posteriormente passou por Olímpia e no ano passado pelo Botafogo-SP, antes de se transferir para o clube catarinense.

Sérgio Manoel defendeu alguns clubes do interior paulista
Sérgio Manoel defendeu alguns clubes do interior paulista
Já o volante Sérgio Manoel começou sua carreira no Rio Preto. Boas atuações com a camisa do Jacaré fizeram o atleta ser contratado pelo Mirassol, em 2011.

Com a camisa do Leão da Araraquarense ele disputou as edições 2011 e 2012 do Paulistão. Em seguida foi para o Coritiba, tendo defendido também as cores do Atlético-GO.

MAIS A LAMENTAR
Há que se frisar também que, entre as vítimas fatais, estava o mordomo Anderson Cocada que trabalhou no Rio Preto em 2009. Deva Paschovicci, narrador da Fox Sports, era um dos diretores da CBN (Grandes Lagos), de Rio Preto. O jornalista era natural de Monte Aprazível, pequena cidade a 35Km de São José do Rio Preto, onde também nasceu Sérgio Carvalho, colunista do Futebol Interior.

Narrador da Fox Sports, Deva Paschovicci está entre as vítimas fatais
Narrador da Fox Sports, Deva Paschovicci está entre as vítimas fatais