Brasileiro
A
B
C

Internacional 4 x 1 Atlético-PR - Inter vence primeira em casa


Publicado na domingo,
30 de maio de 2010

Porto Alegre, RS, 30 (AFI) – O Internacional conseguiu sua segunda vitória no Campeonato Brasileiro na tarde deste domingo, no Estádio Beira Rio, em Porto Alegre-RS, e se recuperou depois de uma seqüência de três derrotas no campeonato dentro de casa. No comando do técnico interino Enderson Moreira, o Colorado goleou o Atlético-PR por 4 a 1 e somou mais três pontos. Com o resultado, a equipe gaúcha foi para seis pontos e subiu para décima colocação no Brasileirão.

Com um jogador a menos desde o primeiro tempo, Atlético-PR não conseguiu segurar o ataque Inter e perdeu sua segunda partida no campeonato. Com derrota, a equipe paranaense permaneceu com os mesmos quatro pontos e caiu para a décima oitava colocação.

Leia mais:
Brasileirão:Corinthians dispara; Flu vira em Minas e Inter goleia


Primeiro tempo...
O Internacional teve uma ótima oportunidade de abrir o placar logo aos dez minutos do primeiro tempo. Após um bate cabeça da saga do Atlético-PR, a bola sobrou para o atacante Walter, que cara a cara com o goleiro Neto, não teve calma para finalizar e mandou uma pancada, no entanto, Neto estava bem posicionado e impediu o gol Colorado.

O Atlético-PR respondeu em seguida com o meia Paulo Bauer que deu um lançamento preciso para o lateral esquerdo Márcio Azevedo que colocou a bola na cabeça de Bruno Mineiro, mas o atacante finalizou mal e mandou a bola por cima do gol do goleiro Lauro.

As duas equipes erraram muitos passes no setor de meio campo, com isso, poucas oportunidades de gol foram criadas durante os primeiros minutos do primeiro tempo.

Oportunidade do Colorado...
Aos 30 minutos, Paulo Baier cobrou falta, mas a zaga do Colorado afastou o perigo. Na seqüência, o Inter contra-atacou a equipe adversária, mas o atacante Walter se atrapalhou no domínio da bola e o lateral Márcio Azedo não teve trabalho para desarmar a jogada do Inter.

Pressão...
Dois minuto depois, o lateral Kleber fez uma boa jogada pela esquerda e cruzou, mas a zaga do Furacão cortou o cruzamento, no entanto, a bola sobrou para o atacante Alecsandro que bateu forte, mas Neto novamente faz ótima defesa.

No final da primeira etapa, o Inter passou a pressionar mais o Atlético-PR. O meia Giuliano fez boa jogada pela esquerda e na saída do goleiro bateu, mesmo sem ângulo, no entanto, a zaga conseguiu fazer o corte. Na seqüência, aconteceu um bate e rebate e a bola foi cruzada para Bolívar que cabeceou fraco, e Neto de novo defendeu.

O Atlético, com a zaga bem postada durante o primeiro tempo, se segurou no campo defensivo para não tomar o gol. Por outro lado, o Inter continuou em busca do primeiro gol, mas não conseguiu aproveitar as chances que teve.

Segundo tempo...
No segundo tempo o Inter voltou ligado na partida e surpreendeu o Atlético-PR ao marcar três gols com menos de 15 minutos de jogo, fazendo o Beira Rio explodir de alegria.

O primeiro gol saiu logo aos três minutos de jogo. Após levantamento na área, a bola caiu nos pés do atacante Alecsandro que, sem goleiro, só teve o trabalho de mandar a bola para fundo do gol de Neto que, desta vez, não pode fazer nada.

Com o gol, o Colorado cresceu no jogo e partiu pra cima do Furacão que não conseguiu deter a força do Inter dentro de casa. Em outra jogada de bola parada, o zagueiro Bolívar tocou de cabeça e, antes que a bola entrasse no gol, Sorondo completou e mandou a bola prás redes.

Mais pressão...
A torcida colorada vibrou muito com o segundo gol e começou a empurrar o time. Os jogadores corresponderam dentro de campo. O atacante Walter, após receber passe dentro da área, percebeu que Andrezinho vinha de trás livre de marcação, e passou para o meia que finalizou com precisão, de fora da área, e mandou a bola no canto direito do goleiro Neto.

Com três gols de vantagem, o Inter passou a dominar a partida. Já o Atlético-PR, que ficou com um jogador a menos, depois que Valência foi expulso, não se encontrou mais em campo.

O Inter seguiu pressionando em busca do quarto gol. E, aos 32 minutos, Alecsandro roubou a bola do zagueiro próximo a linha de fundo e mandou uma bomba no canto superior direito do goleiro do Furacão para marcar o seu segundo gol na partida..

O Atlético-PR até conseguiu esboçar um sinal de reação e descontou com Manuel aos 39 minutos, mas não foi o suficiente para buscar o empate. Com cinco minutos do final da partida, a equipe do Inter apenas esperou o apito final para comemorar sua primeira vitória no Beira Rio.


Próximos jogos:
Pela sexta rodada do Brasileirão o Internacional enfrenta o Corinthians no Pacaembu, em São Paulo, na próxima quarta-feira, às 21 horas. Já o Atlético-PR enfrenta o Botafogo na Arena na Baixada, em Coritiba-PR, às 19h30.

Ficha Técnica

Internacional 4 x 1 Atlético-PR

Local: Estádio Beira Rio, em Porto Alegre-RS
Público: 11.058 pagantes.
Renda: R$ 125.770,00.
Árbitro: Célio Amorim-SC
Cartões Amarelo: Andrezinho, Guiñazu e Andrezinho (Inter) Chico e Bruno Mineiro (Atlético-PR)
Cartões Vermelho: Valência (Atlético-PR)
Gols: Alecsandro 3'/2T, Sorondo 7'/2T, Andrezinho 12'/2T e Alecsandro 32'/2T (Internacional), 39'/2T Manuel (Atlético-PR).

Internacional
Lauro; Glaydson, Bolívar, Gonzalo Sorondo e Kleber; Sandro (Wilson Matias), Guiñazu, Andrezinho e Giuliano (Thiago Humberto); Walter (Edu) e Alecsandro.
Técnico: Enderson Moreira (interino)

Atlético-PR
Neto; Lisa (Deivid) , Rhodolfo, Leandro e Manuel; Chico, Valência, Paulo Baier (Tartá) e Márcio Azevedo; Branquinho e Bruno Mineiro (Marcelo).
Técnico: Leandro Niehues

 
Agência Futebol Interior
 
Compartilhe


 Veja Mais 
Listar todas
Quem Somos
|
Fale Conosco
|
Expediente
|
Anuncie no FI
|
Política de Privacidade e Uso
|
Anunciantes
© Copyright 1999-20102 Futebol Interior - Todos os direitos reservados