Paulista
A1
A2
A3

Chelsea é goleado pelo Atlético de Madrid e perde o título da Supercopa da Europa

Com três gols de Falcao, o Atlético goleia e garante o título

Publicado na sexta-feira,
31 de agosto de 2012

Campinas, SP, 31 (AFI) - O Chelsea é o atual campeão da Liga dos Campeões, mas mostrou nesta sexta-feira que está longe de ser o melhor time do continente. Em Montecarlo, sofreu com o show do Atlético de Madrid e, especialmente, do atacante colombiano Falcao Garcia, que fez três gols só no primeiro tempo e comandou a goleada por 4 a 1, dando ao time espanhol o título da Supercopa da Europa.

 Confira! 

Depois de conquistar o título da Liga dos Campeões na base da defesa forte e do contra-ataque, o Chelsea não conseguiu impor em nenhum momento da decisão desta sexta-feira em Mônaco o seu estilo de jogo. O tempo todo foi massacrado pelo Atlético de Madrid, atual campeão da Liga Europa, que ainda colocou três bolas na trave adversária e poderia ter feito mais.

Falcao Garcia foi genial e comprovou que merece o rótulo de melhor centroavante do mundo. Aos 4 minutos, ele já acertou a primeira bola na trave. Aos 8, fez o primeiro gol. E foi logo um golaço. O colombiano passou como quis pelo marcador e bateu tirando de Peter Cech e de David Luiz, que tentava tirar em cima da linha.

O segundo gol de Falcao Garcia também entra na lista de golaços. Foi aos 20 minutos, igualzinho o que ele fez na final da Liga Europa, contra o Athletic Bilbao. Recebeu na entrada da área, dominou e bateu de chapa de pé, alto, tirando do goleiro e acertando o ângulo.

Depois de mais uma bola na trave, dessa vez de cabeça, Falcao Garcia fez o terceiro gol aos 45 minutos da etapa inicial. Arda Turan tocou para o colombiano, que dominou passando pelo brasileiro Ramires e chutou por baixo de Cech para ampliar.

Quando a bola rolou para a segunda etapa, com Oscar no lugar de Ramires no Chelsea, o jogo já estava decidido. Mesmo assim, o Atlético de Madrid seguiu perigoso e fez o quarto com o zagueiro brasileiro Miranda. No fim, o também zagueiro Cahill ainda descontou para o time inglês, mas não evitou o vexame. David Luiz, nos acréscimos, acertou a trave, no que seria um gol contra. Assim, o show do clube espanhol acabou mesmo nos 4 a 1.

 
 
Agência Estado
 
Compartilhe


 Veja Mais 
Listar todas
Quem Somos
|
Fale Conosco
|
Expediente
|
Anuncie no FI
|
Política de Privacidade e Uso
|
Anunciantes
© Copyright 1999-20102 Futebol Interior - Todos os direitos reservados